All for Joomla All for Webmasters
(11) 99909 - 5244   contato@kuratore.com.br
(11) 99909 - 5244   contato@kuratore.com.br

Acesse Seu Gênio Criativo

A verdadeira criatividade é uma mercadoria rara nos negócios e mesmo a mente mais aberta entre nós raramente apresenta ideias verdadeiramente novas.
Peter Fisk, em seu livro Creative Genius, descreve o inventor, cientista, artista e astrônomo Leonardo da Vinci como a síntese do inovador onívoro.

Ele gerou novas ideias, assim como antecipou descobertas científicas e tecnológicas que só se tornaram práticas no século passado. O segredo para a criatividade ilimitada de Da Vinci era sua visão do mundo.

Sua inexorável curiosidade permitiu que ele visse mais, pensasse em uma escala maior e fizesse conexões originais entre elementos diferentes. Ele era corajoso, o que lhe permitia aceitar o paradoxo e viver com conceitos novos e desafiadores.

Segundo Fisk, você pode se tornar mais inovador imitando Da Vinci. Metodicamente questione e examine seu mundo e como você o percebe.

Aqui está um exercício que o ajudará a pensar como da Vinci:

Finja que você pode viajar pelo tempo. Projete-se para frente e olhe ao redor. Imagine como o mundo pode mudar e quais as novas oportunidades que o futuro mundo pode ter.

Empreste a visão futuristas do renomado autor H.G. Wells. Lembre-se que a inovação não é apenas nova tecnologia; inclui também mudanças na cultura, estilo de vida e criação em si. Permaneça flexível em seu pensamento: imaginar o futuro envolve mais do que simplesmente exceder o presente.

O tempo não será a única mudança; o espaço também irá mudar e de forma mais complexa que o tempo. Os mercados mudam o tempo todo e se interligam. Por exemplo, empresas como a Virgin Galactic já estão ampliando sua esfera de inovação para o espaço sideral.

“Uma das melhores maneiras de obter novas ideias é olhar para outros setores, geografias e usuários extremos.” – Peter Fisk.

Segundo Fisk, ideias geram economias, e a geração de novas perspectivas é vital para o sucesso econômico. Preparar-se para o futuro significa enfatizar as escolhas que criam novos pensamentos. Exige conceitos abrangentes que cruzem categorias, como a proteção de novas ideias, treinando pessoas em “segurança neurológica” (“neurosecurity”) ou apoiando “biobancos” que armazenam tecido biológico em vez de dinheiro.

Enquanto os brainstorms espontâneos são o início da inovação, em algum momento as ideias devem se tornar práticas. É por isso que é importante que a inovação seja um processo de equipe, que envolva seus clientes e suas necessidades.

Como escreve Fisk: “Lançar uma solução de inovação, entrar em um novo mercado ou chegar a novos clientes é de muitas formas o verdadeiro ponto de partida e não o fim do processo de inovação”.

Acesse o resumo do livro Creative Genius, de Peter Fisk, no site da getAbstract:

Para acessar a matéria original desse artigo, CLIQUE AQUI!

Deixe um comentário