All for Joomla All for Webmasters
(11) 99909 - 5244   contato@kuratore.com.br
(11) 99909 - 5244   contato@kuratore.com.br

Murro em ponta de faca?

Ao se ler uma série de livros, conceitos e idéias referentes à gestão de pessoas e empresas, liderança, auto-desenvolvimento é comum encontrar autores, que defendem a generosidade, o doar-se, o ser um coach de verdade, como parte integrante de pessoas que tiveram e têm sucesso, como grandes gestores e líderes. Conversando com a minha esposa sobre esse assunto, um ponto nos chamou a atenção. Ela comentou que muitas vezes é frustrante ser generoso, ser genuinamente um coach para a outra pessoa e essa pessoa simplesmente não responder, não reagir.

Chegamos a uma conclusão, mesmo que a outra pessoa não responda, não se interesse, deve-se continuar. Essas dificuldades dos relacionamentos humanos forjam seu caráter, fazem de você uma pessoa melhor. Se o outro não responde você tem a chance de aprimorar a sua empatia, sua capacidade de negociação, sua paciência e sua visão de mundo. No final das contas ficou claro para nós que simplesmente vale a pena, não é fácil, mas vale a pena.

Tiago Petreca.

Deixe um comentário

Cadastre aqui seu e-mail e receba atualizações da Kuratore!

LEIA TAMBÉM

Em 6 semanas muita coisa poderá mudar
23 de agosto de 2017
Suas decisões estão em risco, saiba porque.
10 de agosto de 2017
Como os Sete Disruptores Mortais estão Mudando a Manufatura
17 de maio de 2017
Faz todo sentido.
31 de março de 2017
Somente pinta o pintor. Conhecimento técnico e comportamental.
31 de março de 2017
Marvel, Dc Comics, você.
24 de março de 2017
LIDERE – Presença e Lider de Si Mesmo
24 de março de 2017